Proteçao RespiratóriaConceitos Gerais
____

Os contaminantes do ar podem ser classificado em:

1. PARTÍCULAS

1. PARTÍCULAS

São os poeiras, nevoas e fumaças

• Poeiras: formam-se pela ruptura mecânica de um sólido. São partículas sólidas de 0,1 a 25 mícrons.

•Nevoas: São geradas pela ruptura mecânica de um liquido. Geram-se, por exemplo, nas operações de doses ou atomizado de óleos de corte para maquinas ferramenta, aplicação de pesticidas, pintura em aerossol etc.

•Fumaças: São partículas geradas termicamente por solidificação de vapores em processos de alta temperatura, como a solda de metais ou plásticos, fundição de metais etc. São menores a 5 mícrons

2. GASES

São os gases e vapores.

• Gases: têm grande poder de contaminação já que, ao ter o mesmo estado, misturam-se rapidamente com o ar.

• Vapores: são gases libertados ao ambiente por alguma substância que se encontra em estado líquido em condições normais de temperatura e pressão.

• As partículas menores a 10 mícrons não são filtradas pelas defesas naturais do aparelho respiratório e podem penetrar profundamente no organismo se depositando nos brônquios, gânglios linfáticos e pulmões, dando lugar a um conjunto de doenças conhecidas como *neumoconiosis. Com o passar do tempo derivam numa disfunção respiratória severa.

• Alguns contaminantes podem passar dos pulmões ao sangue e afetar gravemente órgãos como o coração, cérebro, fígado e os rins. São os denominados sistêmicos.

• Salvo efeitos agudos, a contaminação por via respiratória apresenta sintomas depois de anos de exposição, quando o dano já é irreversível.

1. RESPIRADORES DE PARTÍCULAS

• Como seu nome o indica, aplicam à proteção em ambientes onde o contaminante é um aerosol

O elemento filtrante é uma malha têxtil complexo (não tecidos) que tem a propriedade de reter grande quantidade de partículas do contaminante com uma baixa interferência do fluxo de respiração.

• O NationalInstitute for OccupationalSafetyand Health (NIOSH) de EEUU define 3 séries de respiradores de partículas: N: não resistente aos óleos. R: resistente aos óleos (com restrições). P: a prova de óleos. A sua vez estabelece que a cada uma das séries poderá ter uma eficiência de filtrado de 95%, 99% e 99.97%. Desta maneira estabelece a classificação NIOSH de respiradores de partículas: N95, N99, N100, R95, R99, R100 e P95, P99, P100.

• Os respiradores de partículas podem ser máscaras descatáveis ou máscaras elastoméricas com cartuchos para partículas substituíveis.

2. RESPIRADORES PARA GASES

Aplicam à proteção respiratória quando o contaminante se encontra em estado gasoso.

O elemento filtrante é o carvão ativado, que tem a propriedade de atrair e reter a molécula de gás (adsorção, absorção e catálise). Os respiradores estão formados por uma máscara elastomérica (semi facial ou facial inteira) equipada com cartuchos para gases (cartucho “químico”) substituíveis. O NationalInstitute for OccupationalSafetyand Health (NIOSH) de EEUU estabelece uma classificação para cartuchos em função do contaminante que retêm (se indica com 2 carateres alfabéticos no cartucho) e uma cor:

PROTEÇÃO RESPIRATÓRIA

Máscaras de proteção respiratória